Frances Jane (Fanny) Crosby

13/05/2021

Frances Jane (Fanny) Crosby

Fanny Jane Crosby

“1820-1915”

Frances Jane (Fanny) Crosby (1820 - 1915)

Frances Jane (Fanny) Crosby (1820 – 1915)

Frances Jane (Fanny) Crosby (1820 - 1915)

Frances Jane (Fanny) Crosby (1820 – 1915)

Entre as histórias de autores de hinos evangélicos, nenhuma história é tão impressionante como a de Fanny Jane Crosby. Apesar da sua deficiência física, foi uma mulher de extraordinária capacidade e de uma fé inabalável. Entre poemas e hinos que escreveu calcula-se que pode chegar a nove mil, o que faz dela um dos maiores nomes entre os escritores de hinos da história da igreja.

Fanny Jane nasceu em 24 de março de 1823 em Nova York. Pouco depois disso veio a falecer seu pai. Quando tinha apenas seis semanas de vida ficou cega por causa de um erro medico. Esta deficiência lhe acompanhou o resto de sua vida, mesmo assim Fanny não se deixava abalar pelo problema. Sua convicção cristã não lhe permitia a melancolia. Esta certeza está nas letras dos seus hinos. Ela também já desde sua infância dizia que tinha um pedido para o seu Criador. Ao entrar no céu, o primeiro rosto que ela gostaria de ver, era o do seu Salvador. Certamente Deus lhe atendeu a oração. A perspectiva mais acertada para uma pessoa assim, seria o fracasso. Mas não para esta menina, que se tornaria a mulher mais famosa da hinódia norte-americana. Chegou a ser muito conhecida por cinco presidentes dos Estados Unidos. Aos oito anos demonstrava seu futuro brilhante, quando já escrevia poemas. Aos quinze anos ingressou numa escola para cegos em Nova York, onde voltou depois para lecionar e passou o resto da sua vida. Nesta escola encontrou Alexandre Van Alstyne um músico, com quem se casou aos 38 anos, que também era cego.

Embora tenha ficado cega por erro médico incompetente às seis semanas de idade, ela escreveu quase 9.000 hinos. Sobre sua cegueira, Fanny disse:
Parecia que a bendita providência de Deus pretendia que eu fosse cego por toda a minha vida, e agradeço a ele pela dispensação.
Se a visão terrestre perfeita me fosse oferecida amanhã, eu não aceitaria. Eu poderia não ter cantado hinos para louvar a Deus se eu tivesse me distraído com as coisas bonitas e interessantes sobre mim

É verdade que, destes quase (9.000) nove mil poemas e hinos, muitos não tiveram grande qualidade literária. Por isso não foram preservados. Mas muitos deles se tornaram clássicos e continuam até hoje entre os mais queridos e já consolaram milhões de pessoas. É notável a grande facilidade que Fanny tinha em escrever. Algumas canções surgiam em poucos minutos. Nos primeiros anos escrevia apenas poemas seculares. Seus poemas que se tornaram hinos evangélicos vieram mais tarde. E vieram com muita oração. Ela mesma admitiu que antes de escrever um hino sempre se ajoelhava para orar.

Fanny não tinha habilidades musicais. Seu dom era escrever poemas. Muitos destes poemas foram convertidos em música por músicos do seu tempo que podemos citar alguns, entre eles:
Ira David Sankey
Robert Lowry
William B. Bradbury
William Howard Doane

As melodias acrescentadas aos poemas fizeram com que eles entrassem para história. Dentre os seus mais de 1000 hinos escritos destacam-se os seguintes: (*Cantor Cristão nº).


→ Among the stories of authors of evangelical hymns, no story is as impressive as that of Fanny Jane Crosby. Despite her physical disability, she was a woman of extraordinary ability and unshakable faith. Among the poems and hymns she wrote, it is estimated that it can reach nine thousand, which makes her one of the greatest names among hymn writers in the history of the church.

Fanny Jane was born on March 24, 1823 in New York. Shortly after, his father died. When she was only six weeks old, she was blinded by a medical error. This deficiency accompanied him the rest of his life, even so Fanny was not affected by the problem. His Christian conviction did not allow him to be melancholy. This certainty is in the lyrics of your hymns. She too, since her childhood, said that she had a request for her Creator. Upon entering heaven, the first face she would like to see was her Savior. Certainly God answered his prayer. The best prospect for such a person would be failure. But not for this girl, who would become the most famous woman in the American hymn. Arrived is well known by the five presidents of the United States. At the age of eight, he demonstrated his bright future, when he was already writing poems. At the age of fifteen he entered a school for the blind in New York, where he later returned to teach and spent the rest of his life. At this school Alexandre Van Alstyne met a musician, whom he married at age 38, who was also blind.

Though blind­ed by an in­com­pe­tent doc­tor at six weeks of age, she wrote almost 9,000 hymns. About her blind­ness, Fanny said:
It seem­ed in­tend­ed by the bless­ed pro­vi­dence of God that I should be blind all my life, and I thank him for the dis­pen­sa­tion.
If per­fect earth­ly sight were of­fered me to­mor­row I would not ac­cept it. I might not have sung hymns to the praise of God if I had been dis­trac­ted by the beau­ti­ful and in­ter­est­ing things about me.

It is true that, of these almost (9,000) nine thousand poems and hymns, many do not have great literary quality. That is why they have not been preserved. But many of them become classic classics and remain among the most loved today and have already comforted millions of people. It is remarkable how easy it was for Fanny to write. Some songs came out in a few minutes. In the early years he wrote only secular poems. His poems that became evangelical hymns stimulated later. And presented with much prayer. She admitted that before writing a hymn, she always knelt to pray.

Fanny had no musical skills. His gift was to write poems. Many of these poems were converted into music by musicians of his time, some of which can be mentioned, among them:
Ira David Sankey
Robert Lowry
William B. Bradbury
William Howard Doane

The melodies caused by the poems made them go down in history. Among his more than 1,000 written hymns, the following stand out: (* Christian Singer nº)

  1. Músicas

Exultação (A Deus demos glória): * 15.

Cristo te chama: * 210.

Fonte Bendita: * 215.

Chamada: * 235.

Tão perto: * 237.

Junto a Ti: * 286.

Ao pé da cruz: * 289.

Para onde for, irei: * 308.

Consagrando-nos: * 309.

Não consintas: * 339.

Conversação cristã: * 421.

Trabalho cristão: * 422.

Igreja, alerta: * 450.

Face a face: * 503.

 

  1. Músicas
  1. Traduções

Segurança: Blessed Assurance: * 375

Segurança por George Benjamim Nind (Danny’s)

Segurança por Daniel Borges (Danny’s)

Segurança por Daniel Borges ( Cyberhymnal )

Respondeu-lhe Jesus: Se tivesses conhecido o dom de Deus e quem é o que te diz: Dá-me de beber, tu lhe terias pedido e ele te haveria dado água viva.

João 4:10

Deixe um comentário