Tag: utilidade pública

19/04/2021

Alto Solimões – Amazonas

Alto Solimões - Amazonas

Alto Solimões – Amazonas

População: 194.245 habitantes
Cidades: 9
Área Total: 214.217,80 km2
Densidade Demográfica: 0,91 hab/km2

Amaturá
Fundação: 1985
Altitude: 58 m
População : 7.169 habitantes
Área Total: 4.780,1 km2
Dens. Demográfica: 1,5 hab/km2

Atalaia do Norte
Fundação: 1955
Altitude: 65 m
População : 8.185 habitantes
Área Total: 76.687 km2
Dens. Demográfica: 0,11 hab/km2

Benjamin Constant
Fundação: 1931
Altitude: 65 m
População: 34.193 habitantes
Área Total: 8.743,4 km2
Dens. Demográfica: 3,11 hab/km2

Fonte Boa
Fundação: 1891
Altitude: 62m
População : 25.627 habitantes
Área Total: 12.165 km2
Dens. Demográfica: 2,11 hab/km2

Jutaí
Fundação: 1955
Altitude: 48 m
População : 22.251 habitantes
Área Total: 69.857,4 km2
Dens. Demográfica: 0,32 hab/km2

Santo Antônio do Iça
Fundação: 1955
Altitude: 91 m
População : 26.525 habitantes
Área Total: 12.363 km2
Dens. Demográfica: 2,15 hab/km2

São Paulo de Olivença
Fundação: 1882
Altitude: 102 m
População : 25.010 habitantes
Área Total: 19.922 km2
Dens. Demográfica: 1,26 hab/km2

Tabatinga
Fundação: 1981
Altitude: 60 m
População: 34.659 habitantes
Área Total: 3.239,3 km2
Dens. Demográfica: 10,7 hab/km2

Tonantins
Fundação: 1985
Altitude: 55 m
População: 17.608 habitantes
Área Total: 6.461,3 km2
Dens. Demográfica: 2,73 hab/km2

Recompensou-me o Senhor conforme a minha justiça, retribuiu-me conforme a pureza das minhas mãos.

Salmos 18:20
04/04/2021

Homenagem aos Profissionais de Saúde

Eles estão exaustos!

Profissionais de Saúde estão completamente esgotados, mas não desistem de lutar pela vida!

Profissionais da Saúde em Desespero

Profissionais da Saúde em Desespero

Não só em tempos como esse que vivemos agora, os Profissionais da Saúde são os primeiros a serem expostos a todos os tipos de infecções, hoje pelo coronavírus [a Covid-19], porque sua vocação é atuar na linha de frente, mas os Profissionais da Saúde precisam ser reverenciados. Seus conhecimentos devem ser respeitados e suas intervenções, objeto de confiança e crédito. Nas suas mãos, todos entregamos o que nos é mais caro, a nossa própria vida e de entes queridos.

Não tem como mencionar todos aqui, mas pelo menos relembrando a maioria, são eles:
Médicos, Enfermeiros, Nutricionistas, Fisioterapeutas, Terapeutas Ocupacionais, Biólogos, Médicos Veterinários, Biomédicos, Farmacêuticos, Odontólogos, Fonoaudiólogos, Psicólogos, Osteopatas, Assistentes Sociais, Profissionais da Educação Física e seus respectivos Técnicos, também os Auxiliares Tecnólogos em Radiologia.

Não podemos nos esquecer também dos trabalhadores de apoio como os Recepcionistas, Agentes de Saúde Pública, Seguranças, Trabalhadores da Limpeza, Cozinheiros e Auxiliares, Motoristas de Ambulâncias, Motoristas do SAMU, Motoristas do Resgate entre tantos outros.

E precisamos ainda incluir aqueles profissionais que atuam em cuidados domiciliares como os Cuidadores de Idosos, Doulas/Parteiras, Funcionários do Sistema Funerário que tenham contato com cadáveres potencialmente contaminados e os Acadêmicos em Saúde e Estudantes da Área Técnica em Saúde em estágio hospitalar, Clínicas e Laboratórios.

E aqueles que fazem o enfrentamento direto e indireto da Covid-19 e também de outras formas, mas estão sempre em risco de uma forma ou outra, tais como: Polícia Federal [onde estão também o Corpo de Bombeiros, Resgate, a Defesa Civil, Prevenção e Combate a Incêndios, Buscas, Salvamentos e Socorros Públicos], Polícia Rodoviária Federal. Polícia Ferroviária Federal, Polícia Legislativa Federal, Polícia Militar, Polícia Civil, Polícia Penal.

E não há ninguém melhor que o filósofo alemão Friedrich Nietzsche para resumir com uma frase o papel dos profissionais da saúde em épocas como esta que estamos atravessando, em que o surto de uma doença extremamente infecciosa gera uma pandemia que afeta e ameaça a vida de milhares de pessoas em todo o planeta. “Nos momentos em que a necessidade dos médicos é altíssima, isto é, durante as grandes epidemias, eles estão mais expostos ao perigo”.

Diante da vulnerabilidade de cada um que entra num hospital, seja AMA, seja SUS, seja de Campanha, seja Particular o profissional de saúde tem que encarar o rosto de seus pacientes, isolados e sozinhos em um leito com medo, dor e apreensão. Cuidar é responsabilizar-se pelos outros sem esperar a recíproca, ainda que isso me viesse a custar a vida. No dicionário da ética, o nome disso é bondade.

Florence Ni

Vale à pena relembrar de Florence Nightingale (Florença, 12 de maio de 1820 — Londres, 13 de agosto de 1910) foi uma reformadora social inglesa, esteticista e fundadora da enfermagem moderna. Nightingale ganhou destaque ao servir como chefe e treinadora de enfermeiras durante a Guerra da Crimeia, na qual organizou o atendimento aos soldados feridos.

Esta obra está no domínio público no seu país de origem e noutros países e áreas onde o período de proteção dos direitos de autor é igual ou inferior à vida do autor mais 100 anos.

Também tem de incluir uma marcação de domínio público nos Estados Unidos para indicar porque é que esta obra está no domínio público nos Estados Unidos.

Apenas lembrete: No dia 27 de maio de 2020, foi celebrado o Dia do Desafio e nada melhor do que homenagear os profissionais da saúde que todos os dias estão na linha de frente no confronto diário contra a pandemia do coronavírus. Foi colocado um cartaz e quatro bombeiros desceram no telhado do Hospital Pompéia de rapel. O sargento Júlio Cristiano dos Santos enfatiza: “Temos um grande reconhecimento pelos Profissionais da Saúde. O objetivo hoje é realmente saldar todos os profissionais envolvidos nesse desafio, até porque, o Corpo de Bombeiros e estes profissionais da saúde buscam no final o mesmo objetivo”, ressalta Cristiano. Isso deu ao hospital ainda mais força para continuar na luta diária em favor da comunidade.

Tudo isso ainda não acabou, estamos numa situação lastimável e lutando por cada vida. O reconhecimento da função social desses profissionais é tão necessária quanto é a certeza de que a maioria de nós estará, cedo ou tarde, em suas mãos. Para que eles façam o seu melhor para todos – e inclusive para nós, quando chegar a nossa hora – que sejam valorizados e reconhecidos a todo tempo.

Então… Muito obrigado! A vocês:- Aplausos, panelaços, abraços, beijos, corações, palmas, carinhos, gestos sinceros, apertos de mão, cânticos, orações, bênçãos em geral.

Sede fortes e corajosos; não temais, nem vos atemorizeis diante deles; porque o Senhor vosso Deus é quem vai convosco. Não vos deixará, nem vos desamparará.

Deuteronômio 31:6
02/04/2021

Como Mudar Nome do Titular da Conta de Luz na Enel pela Internet?

Como mudar o nome do titular da conta de luz na Enel pela Internet?

Como mudar o nome do titular da conta de luz na Enel pela Internet?

O procedimento requer preenchimento de um formulário online e envio de documentos de identificaçãoÉ possível mudar o nome do titular da conta de luz da Enel direto no site da empresa de energia. Para isso, o solicitante precisa ter o número do cliente atual em mãos e preencher um formulário online com seus dados pessoais.

O procedimento requer também o envio de uma cópia de um documento de identificação com foto.

A troca de titularidade pode ser solicitada por pessoas físicas (maiores de 18 anos) ou jurídicas, desde que cumpram os pré-requisitos determinados pela Enel: a unidade de consumo (endereço do imóvel) não pode ter débitos ou parcelamentos vencidos ou em aberto, e o solicitante não pode ter débitos vinculados ao seu CPF com a distribuidora.

Antes de começar, vale ressaltar que a Enel tem quatro distribuidoras no país e os links para fazer a solicitação são diferentes. O tutorial foi feito a partir do site para o estado de São Paulo, mas o passo a passo é semelhante nos outros estados.

Abra o site da Enel e informe o número do cliente (sem dígito), que se encontra no canto superior direito da conta de luz. Caso não tenha o código em mãos, selecione “Sem nº cliente” e insira os dados manualmente. Basta Preencher os dados solicitados;

O procedimento pode ser feito utilizando navegadores como o Chrome, Firefox ou Microsoft Edge. A seguir, confira o passo a passo para solicitar a mudança no nome da conta de luz.

Como mudar o nome do titular da conta de luz na Enel pela Internet?

Como mudar o nome do titular da conta de luz na Enel pela Internet?— Foto: Dannybia

TROCA DE TITULARIDADE
PRÉ-REQUISITOS PARA SOLICITAÇÃO DO SERVIÇO:

A unidade de consumo (endereço do imóvel) da troca de titularidade não pode ter débitos ou parcelamentos vencidos ou em aberto;
O solicitante não pode ter débitos vinculados ao seu CPF com a distribuidora;

O solicitante deve informar a leitura contida no medidor (relógio) na data do pedido da troca de titularidade. Com base nessa leitura, faremos um cálculo do consumo do período entre a data informada e a da última leitura colhida, da unidade de consumo(endereço do imóvel).

Com isso, enviaremos a fatura deste consumo remanescente por e-mail para pagamento. Após constando o pagamento em nosso sistema, realizaremos a troca de titularidade.

Este pé o link: https://portalhome.eneldistribuicaosp.com.br/#/area-aberta/troca-titularidade/dadospessoais

Jesus respondeu: Em verdade, em verdade te digo que se alguém não nascer da água e do Espírito, não pode entrar no reino de Deus. O que é nascido da carne é carne, e o que é nascido do Espírito é espírito. Não te admires de eu te haver dito: Necessário vos é nascer de novo.

João 3:5-7
02/04/2021

Lei Contra ‘Stalking’ é Sancionada

Perseguição, digital ou física, pode levar a 3 anos de prisão

Penalidade já está em vigor!

Lei contra ‘Stalking’ é Sancionada

“Stalking” Condenação é de seis meses a dois anos, mas pode chegar a 3 anos com agravantes — Foto: Pixabay

O presidente Jair Bolsonaro aprovou na quarta-feira (31) a lei que que inclui no Código Penal e criminaliza o “stalking” (perseguição) no Brasil. A prática, que se amplifica online, com o poder das redes sociais, também está proibida fora da internet, de maneira física. A decisão foi publicada nesta quinta-feira (1º) no Diário Oficial da União.

Lei teve origem em projeto de combate ao feminicídio

A proposta da lei para tornar o stalking um crime no Brasil é de autoria da senadora Leila Barros (PSB-DF), e já havia sido aprovada pelo Senado em 2019. Entretanto, após alterações feitas pela Câmara dos Deputados, o projeto voltou para aprovação dos senadores, até ser aprovado novamente no início de março e encaminhado ao Presidente da República.

De acordo com o relator do projeto, senador Rodrigo Cunha (PSDB-AL), a proposta é de extrema importância no combate à perseguição sofrida por mulheres, especialmente no âmbito da violência doméstica e familiar. Segundo ele, o Brasil é o 5º país do mundo com mais casos de feminicídio – dos quais, 76% foram precedidos por casos de perseguição da parte de seus parceiros.

“A repressão ao stalking praticado com violência de gênero é essencial, diante da grande probabilidade de as condutas perpetradas pelo agente perseguidor tornarem-se, posteriormente, paulatina ou subitamente mais graves, evoluindo para agressões severas e, até mesmo, para o feminicídio”, afirmou o senador.

A pena para quem for condenado, a de reclusão prevista é de 6 meses a 2 anos, mas pode chegar a 3 anos com agravantes. Existe também a previsão de multa contra o infrator.

Há ainda a possibilidade de aumento da pena em 50% caso o crime seja cometido:

  • contra criança, adolescente ou idoso;
  • contra mulher por razões da condição do sexo feminino;
  • a extensão da punição também pode ocorrer caso haja a participação de duas ou mais pessoas e o emprego de armas.

A lei entrou em vigor após a sua publicação no Diário Oficial desta quinta (1º). O projeto foi aprovado no Senado em 9 de março por decisão unânime em uma sessão dedicada à pauta feminina em homenagem ao Dia Internacional da Mulher.

Segundo a lei, caracteriza o crime “perseguir alguém, reiteradamente e por qualquer meio, ameaçando-lhe a integridade física ou psicológica, restringindo-lhe a capacidade de locomoção ou, de qualquer forma, invadindo ou perturbando sua esfera de liberdade ou privacidade”

Antes da nova lei, a prática de “molestar alguém ou perturbar sua tranquilidade” era considerada contravenção penal, e não crime, e tinha como pena a prisão de 15 dias a dois meses, ou multa.

O que é “stalking”?

Conhecido popularmente como “stalking” (perseguição, em inglês), o ato definido agora por lei consiste em seguir alguém reiteradamente e por qualquer meio, ameaçando a integridade física ou psicológica da vítima ou invadindo sua liberdade ou privacidade.

A prática é mais conhecida nos meios digitais, mas a lei prevê condenações para quem cometer o crime em qualquer meio, seja digital ou físico.

O texto também diz será enquadrado no crime quem restringir a capacidade de locomoção da vítima.

Qual é o homem que teme ao Senhor? Este lhe ensinará o caminho que deve escolher. Ele permanecerá em prosperidade, e a sua descendência herdará a terra. O conselho do Senhor é para aqueles que o temem, e ele lhes faz saber o seu pacto. Os meus olhos estão postos continuamente no Senhor, pois ele tirará do laço os meus pés.

Salmos 25:12-15
01/04/2021

Facebook Nova Forma de Ganhar Dinheiro

Facebook Libera Anúncios em Vídeos

Entenda o que são Ad Breaks e como ganhar dinheiro com vídeos no Facebook

Facebook inaugurou um novo formato de publicidade para monetização de vídeos, chamado de Ad Break. A novidade chegou ao Brasil nesta quarta-feira (13) e consiste em propagandas curtas em vídeos que tenham pelo menos três minutos de duração. A ferramenta permite que criadores de conteúdo e publishers (empresas de mídia) ganhem dinheiro com anúncios em seus próprios vídeos postados na rede social e concorre diretamente com as propagandas do YouTube, que é a forma como os Youtubers lucram na Internet hoje em dia.

A nova modalidade de monetização oferece três formatos de anúncios: publicidade em vídeo antes ou durante o conteúdo, ou como banner logo abaixo do post. Os produtores podem escolher o momento do intervalo comercial, ou permitir configuração automática da publicidade. Os produtores recebem 55% da receita do anúncio por visualização do Ad Break. Alguns dos pré-requisitos para usar a ferramenta são ter uma página com mais de 10 mil seguidores e estar de acordo com os Padrões de Qualificação para Monetização do Facebook.

Como Facebook ganha dinheiro? Perguntas e respostas sobre a rede social.

Como funciona o Ad Break

Os Ad Breaks têm três formatos diferentes: anúncios exibidos durante o vídeo, propagandas antes do início ou banner abaixo do player. Os usuários conseguirão assistir ao vídeo apenas após visualizarem o anúncio por completo. Os produtores podem escolher em que momento do vídeo serão inseridos até dez anúncios por post, ou deixar que o Facebook selecione de forma automática os intervalos das propagandas. Os criadores têm a opção de desativar os intervalos comerciais em qualquer um de seus vídeos.

Os criadores também têm autonomia para escolher as marcas presentes nos anúncios, ou seja, eles podem criar listas de bloqueio para determinados anunciantes ou categorias de publicidade. Os produtores também podem enviar seu conteúdo para análise antecipada da rede social, o que pode facilitar a monetização do vídeo logo após a postagem.

Para adicionar o Ad Break, a página precisa ter mais de 10 mil seguidores no Facebook; ter reunido nos últimos dois meses 30 mil visualizações de pelo menos um minuto em vídeos de três minutos; e respeitar as regras presentes nos Padrões de Qualificação para Monetização da rede social.

Entre o conjunto de normas está não divulgar informação incorreta ou notícia falsa. Então produtores que compartilham conteúdo sensacionalista (clickbait ou “caça-clique”) não podem usar os Ad Breaks para a monetização. É possível verificar se a sua página se encaixa nos pré-requisitos em facebook.com/business/m/join-ad-breaks.

Os criadores também têm autonomia para escolher as marcas presentes nos anúncios, ou seja, eles podem criar listas de bloqueio para determinados anunciantes ou categorias de publicidade. Os produtores também podem enviar seu conteúdo para análise antecipada da rede social, o que pode facilitar a monetização do vídeo logo após a postagem.

Para adicionar o Ad Break, a página precisa ter mais de 10 mil seguidores no Facebook; ter reunido nos últimos dois meses 30 mil visualizações de pelo menos um minuto em vídeos de três minutos; e respeitar as regras presentes nos Padrões de Qualificação para Monetização da rede social.

Entre o conjunto de normas está não divulgar informação incorreta ou notícia falsa. Então produtores que compartilham conteúdo sensacionalista (clickbait ou “caça-clique”) não podem usar os Ad Breaks para a monetização. É possível verificar se a sua página se encaixa nos pré-requisitos em https://www.facebook.com/creators/tools/in-stream-ads.

Outras formas de monetização

No começo de 2018, o Facebook começou a testar diversas formas de monetização para criadores de conteúdo. O formato permite que o público contribua todo mês com uma quantia, como se fosse uma assinatura paga para o dono do vídeo. Entre os benefícios, por exemplo, está o acesso a conteúdos exclusivos. Além disso, a rede social criou uma nova ferramenta capaz de aproximar os produtores e marcas para facilitar acordos de parcerias de conteúdo patrocinado.

Outro recurso lançado pelo Facebook em 2018 foi a plataforma Level Up. Ela permite que os criadores de conteúdo ganhem dinheiro com transmissões ao vivo de jogos no Brasil. O formato de monetização funciona da seguinte forma: os usuários enviam a quantidade de estrelas que deseja via chat no streaming e a rede social paga ao produtor US$ 0,01 (cerca de R$ 0,04) por cada estrela recebida.

Segundo a Diretora de Monetização de Media do Facebook Kate Orseth, o lançamento do Facebook Watch (feed exclusivo de vídeos) no Brasil em agosto também foi um investimento na monetização de conteúdo audiovisual na rede social: “Nosso objetivo era fazer do Watch um lugar onde todos os criadores e publishers pudessem encontrar uma audiência e ganhar dinheiro pelo seu trabalho. Nos últimos meses, estivemos focados em disponibilizar os Ad Breaks ao redor do mundo e estamos agora entusiasmados em anunciar que, a partir de hoje, os Ad Breaks estão disponíveis no país”.

Louvai ao Senhor! Louvai a Deus no seu santuário; louvai-o no firmamento do seu poder! Louvai-o pelos seus atos poderosos; louvai-o conforme a excelência da sua grandeza!

Salmos 150:1-2
01/04/2021

Auxílio Emergencial: Calendário de Pagamentos

Novo Auxílio Emergencial 2021

Em 6 de abril começa o pagamento do Novo Auxílio Emergencial e será feito em quatro parcelas; O valor será de R$ 250,00 por família, com valores diferenciados para aquelas comandadas por mulheres que criam filhos sozinhas. Pessoas sozinhas vão receber R$ 150,00. Os pagamentos seguem mais uma vez as datas de nascimento dos beneficiários.

A nova rodada será paga os trabalhadores que fazem parte do Cadastro Único e para os que se inscreveram por meio do site e do aplicativo do programa e para os beneficiários do Bolsa Família.

Beneficiário precisa estar com o CPF regular;


Cadastro Único e Inscritos via APP e Site

Os pagamentos para este público começam em 6 de abril.

Os pagamentos serão feitos por meio de conta poupança digital da Caixa, que pode ser movimentada pelo Caixa TEM. Mais uma vez, será liberada primeiro a movimentação digital e, posteriormente, os saques.

Bolsa Família

Já para os trabalhadores que fazem parte do Bolsa Família, os pagamentos começam em 16 de abril e seguirão o calendário já estabelecido para o benefício – sempre nos últimos dez dias úteis de cada mês.

Para este público, os pagamentos serão feitos da mesma forma que é pago o Bolsa Família.

Veja no calendário na tabela abaixo:

Como saber se terei direito, se vou receber?

Os trabalhadores poderão consultar, a partir de 1º de abril, se receberão a nova rodada do Auxílio Emergencial. A CONSULTA poderá ser feita AQUI NO SITE DA DATAPREV, empresa estatal responsável por processar os pedidos. O beneficiário deverá informar o CPF, nome completo, nome da mãe e data de nascimento.

A partir de 2 de abril, a consulta poderá ser feita também pelos canais da Caixa: pelo auxilio.caixa.gov.br ou pelo telefone 111.

Quantas Parcelas?

Serão pagas aos trabalhadores 4 parcelas  que vai variar entre R$ 150,00 e R$ 375,00 conforme o perfil do beneficiário e a composição de cada família – com valor médio do benefício de R$ 250,00.

As Famílias vão receber R$ 250,00;

Uma família monoparental, dirigida por uma mulher, vai receber R$ 375,00;
Pessoas que moram sozinhas vão receber R$ 150,00.

Quem vai Receber?

Pelas novas regras criadas, o auxílio só será pago a famílias com renda total de até três salários mínimos por mês, desde que a renda por pessoa seja inferior a meio salário mínimo. Segundo o governo, o benefício deverá ser pago a 45,6 milhões de famílias.

Para quem está no Bolsa Família, continua valendo a regra do valor mais vantajoso. A pessoa receberá o benefício com maior valor, seja a parcela paga no âmbito do programa, seja o valor do Auxílio Emergencial.

Não serão abertas novas inscrições para o pagamento do benefício A seleção será feita a partir dos beneficiários inscritos no programa original, excluindo aqueles que não se encaixarem nas novas regras do programa. Com isso, o número de beneficiários deve ser reduzido de 68 milhões para 46,6 milhões.

CONSULTA AQUI SE VOCÊ TEM DIREITO – DATAPREV

Jesus respondeu: Em verdade, em verdade te digo que se alguém não nascer da água e do Espírito, não pode entrar no reino de Deus. O que é nascido da carne é carne, e o que é nascido do Espírito é espírito. Não te admires de eu te haver dito: Necessário vos é nascer de novo.

João 3:5-7