Dr. Chen Horin (China) Recomenda “Limão e Vitamina C” Contra o Coronavírus

O Professor Dr. Chen Horin e a Estudante Laila Ahmadi Recomendam Limão e Vitamina C contra o Novo Coronavírus #boato

O Professor Dr. Chen Horin e a Estudante Laila Ahmadi Recomendam Limão e Vitamina C contra o Novo Coronavírus

Dentre todos os tipos de boatos que circulam sobre o coronavírus, um dos mais latentes é o de dicas de saúde. Volta e meia circula na internet uma dica sobre o que fazer (ou o que não fazer) para se curar da doença que se mostra falsa. A última delas fala sobre uma suposta estudante chinesa chamada Laila Ahmadi e o famigerado professor Chen Horin.

A mensagem que circula online é uma espécie de dica. Ela aponta que, como o coronavírus é inevitável, a recomendação é “fortalecer a imunidade com vitamina C”, ou melhor, com limão e água quente. Leia a mensagem que circula online e por vídeo também:

Leia o Texto:

“Olá, sou Laila Ahmadi da China estudante da Faculdade de Ciências Médicas da Universidade de Zanjan. O vírus Corona ou COVD-19 chegará a qualquer país mais cedo ou mais tarde, e não há dúvida de que muitos países não possuem nenhum kit ou equipamento de diagnóstico sofisticado. Por favor, use o máximo de * vitamina C natural possível * para fortalecer seu sistema imunológico.

Atualmente, o vírus não contém vacina nem tratamento específico Infelizmente, devido à mutação genética que o tornou muito perigosa. Esta doença parece ser causada pela fusão do gene entre uma cobra e um morcego, e adquiriu a capacidade de infectar mamíferos, incluindo humanos. É importante ter maior conhecimento da doença: o professor Chen Horin, CEO do Hospital Militar de Pequim, disse: “Fatias de limão em um copo de água morna podem salvar sua vida”.

Portanto indecentemente do que estiverem fazendo dê uma olhada nesta mensagem e passe para outras pessoas! Limão quente pode matar células cancerígenas! Corte o limão em três partes e colocado em um copo, depois despeje água quente e transforme-a em (água alcalina), beba todos os dias, definitivamente beneficiará a todos. O tratamento com esse extrato destrói apenas células malignas e não afeta células saudáveis.

Segundo: o ácido carboxílico do suco de limão podem regular a pressão alta, proteger artérias estreitas, regular a circulação sanguínea e reduzir a coagulação do sangue. Depois de ler a mensagem transfira-a para a pessoa que você ama e cuide da sua saúde pessoal. Conselho: O professor Chen Horin observa que quem recebe essa mensagem tem pelo menos a garantia de salvar a vida de alguém … Eu fiz o meu trabalho e espero que você possa me ajudar a desenvolvê-lo também. Deus abençoe-nos.”

A mensagem se espalhou com toda a força nos últimos dias na internet. Mas será mesmo que a mensagem foi escrita pelas pessoas em questão e será que as dicas são válidas? A resposta é não.

Discrepâncias:

Não existe nenhuma chinesa Laila Ahmadi da Faculdade de Ciências Médicas da Universidade de Zanjan (será que vocês sequer desconfiaram do nome?). A Laila é, de fato da Universidade de Zanjan. Porém, a instituição e Laila são do Irã.

Além disso, o conteúdo do que é descrito como se fosse da “estudante chinesa” também está errado. Sobre a causa do coronavírus, não é possível dizer de onde veio (não há como afirmar que veio do gene do “morcego com cobra”, até porque seria um cruzamento estranho).

Em relação ao assunto, o Ministério da Saúde do Brasil diz o seguinte: “Não compartilhe esta notícia, as informações são falsas! Até o momento, não há nenhum medicamento específico ou vacina que possa prevenir a infecção pelo novo coronavírus”.

Na verdade a história que aponta que uma chinesa chamada Laila Ahmadi e um médico chamado Chen Horin recomendaram limão e vitamina C contra o coronavírus é falsa. Não passa de mais uma dica falsa de saúde, mais especificamente sobre o coronavírus, que insiste em circular na internet.


Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *